segunda-feira, 29 de agosto de 2016

Senadores sobem à galeria para tirar fotos com Lula e Chico Buarque

Requião, Randolfe e Gleisi posaram para fotos com ex-presidente e cantor.
Presidente afastada faz defesa no plenário do Senado nesta segunda-feira.
Senadores aliados de Dilma sobem à galeria do plenário para tirar fotos próximo a Lula e ao cantor e compositor Chico Buarque (Foto: Gustavo Garcia / G1)Senadores aliados de Dilma Rousseff aproveitaram o interrogatório da presidente afastadano julgamento do processo de impeachment para subir à galeria do plenário a fim de fazer fotografias com o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e com o cantor e compositor Chico Buarque. Os dois integraram a comitiva de convidados de Dilma que acompanhou, das galerias, a participação da presidente no julgamento.

No momento em que o líder do governo no Senado, Aloysio Nunes (PSDB-SP), questionava a presidente afastada, os senadores Randolfe Rodrigues (Rede-AP), Gleisi Hoffmann (PT-PR) e Roberto Requião (PMDB-PR) posaram para foto próximos de Chico Buarque.
Além de Lula e Chico, o grupo de convidados de Dilma é integrado por vários ex-ministros do governo da presidente afastada. Eles ficaram acomodados em uma área com visão privilegiada do plenário do Senado, acima do local aonde está sentada a advogada de acusação Janaína Paschoal, uma das autoras do pedido de impeachment de Dilma.
Embora Lula tenha assistido à sessão da galeria do Senado, alguns ex-ministros, como Nelson Barbosa (Fazenda), Aloizio Mercadante (Educação) e Miguel Rossetto (Secretaria-Geral) preferiram acompanhar a manifestação da presidente afastada no andar inferior, dentro do plenário.
Em meio ao interrogatório, Rossetto subiu à tribuna para acompanhar a sessão ao lado dos ex-colegas da Esplanada Juca Ferreira (Cultura) e Aldo Rebelo (Defesa). Depois, sentou-se ao lado do presidente do PT e de Lula e Chico Buarque.
Tietagem no Alvorada
Segundo o colunista do G1 Matheus Leitão, Chico foi tietado por aliados de Dilma no Palácio da Alvorada antes mesmo de a petista ir para o Congresso Nacional. O comboio de convidados da presidente afastada partiu da residência oficial da Presidência.
No Alvorada, os dilmistas também aproveitaram para tirar fotos ao lado do compositor e elogiaram o trabalho e a posição política dele.
Fonte:G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário