sexta-feira, 8 de janeiro de 2016

Mais informações do PM baleado na cabeça em tiroteio

Um policial militar foi baleado, na noite de ontem, quando atendia a uma ocorrência numa localidade rural de Jaguaretama (a 250km de Fortaleza). Conforme o Centro de Operações Policiais Militares (Copom) do 9º Batalhão da Polícia Militar (BPM), a composição da Polícia Militar de serviço naquela cidade da Região Jaguaribana seguiu até uma fazenda para averiguar uma denuncia de roubo. Quando a patrulha se aproximou do local, os policiais se depararam com os criminosos, que efetuaram vários disparos contra eles.1
Um dos tiros atingiu o policial na cabeça. Ele foi socorrido em estado grave para o Hospital e Maternidade Municipal Adolfo Bezerra de Menezes, em Jaguaretama. A equipe realizou um procedimento de reanimação e tentou estabilizar o militar, para que ele fosse transferido para o Instituto Doutor José Frota (IJF), em Fortaleza.
Uma aeronave da Coordenadoria Integrada de Operações Aéreas (Ciopaer) foi acionada para realizar a transferência do policial ferido, identificado apenas como soldado Hudson. Até o fechamento desta matéria, o estado de saúde do PM era considerado gravíssimo.
Equipes da Força Tática de Apoio (FTA), do Comando Tático Rural (Cotar) e dos destacamentos das cidades vizinhas foram acionadas para cercarem a região. Os levantamentos preliminares davam conta de que os criminosos haviam fugido em um Fiat Siena de cor preta.
A fazenda fica situada a aproximadamente 6km do Centro da cidade. Testemunhas do caso, informaram que os criminosos que praticaram o roubo estariam armados com armas longas, inclusive fuzis AK-47.jaguaretamaQuixadá
Enquanto a equipe local socorria o policial o Copom do 9º BPM recebia informação de uma possível fuga de presos da Delegacia de Polícia da cidade. A fuga não foi confirmada.
Entretanto, ao mesmo tempo era registrada em Quixadá uma tentativa de homicídio. Duas pessoas foram baleadas no bairro Renascer. As vítimas são pai e filho. Ambos foram socorridos à Unidade de Pronto Atendimento (UPA), situada naquela área residencial. O estado de saúde das vítimas não foi informado. (Colaborou Alex Pimentel)
Fonte DN 

Nenhum comentário:

Postar um comentário